O Bom de Viver.com.br

Início » Posts etiquetados como 'distimia'

Arquivo da tag: distimia

Bipolaridade & TDAH


Sociedade bipolar

O enfoque deste tema será visto à luz das experiências vividas em consultório dentro de uma visão mais humana e psicológica.

Os transtornos de humor como depressão,transtorno de ansiedade, ciclotimia , distimia, bipolaridade são objetos de estudo para pesquisadores e pauta para discussão entre leigos, psicólogos e psiquiatras.

BIPOLAR FOTO

O termo “Bipolar” expressa 2 tipos de estados afetivos que se alternam depressão e euforia(mania ou hipomania).
Podendo oscilar o humor com frequência bipolares mistos ou por um ciclo maior de depressão e ou de euforia.O “espectro bipolar” varia muito de intensidade desde o mais grave do tipo I até os mais leves II III IV V.

O transtorno afetivo bipolar é considerado pelo DSM4/CID-10 ( Conselho Internacional de Doenças) como uma doença genética que pode ser desencadeada por fatores como uso de drogas ilícitas,stress grave,problemas emocionais, reação a algum medicamento e como está sendo muito discutido hoje pela sociedade em que vivemos.
Uma sociedade bipolar.
Sociedade bipolar quando questiona-se o estilo de vida cada vez mais cheio de estímulos ,novidades e falta de limites.
Hábitos de vida estressantes ,excesso de trabalho uma necessidade intrínseca de “tudo para ontem”.
Uma sociedade ansiosa onde o sujeito é pressionado ser o melhor,ser feliz, uma imagem perfeita.
A tristeza, problemas e dificuldades não podem aparecer; uma sociedade onde o sentido se perde e rouba a individualidade, a essência de cada um.
Embora tão egocêntrica,deixando de lado o afeto.

O bipolar é um sujeito que lançando mão da terapia medicamentosa, psicoterapia
e hábitos de vida saudável é preservado sua cognição, capacidade de trabalho,
inserção social,convívio familiar e afetivo sexual.
Pode levar uma vida normal muitas vezes controlando suas recaídas minimizando as dificuldades e sofrimentos causados pelo transtorno.
O importante é manter o medicamento,regularidade do sono,evitar a ingestão de álcool e drogas,stress,fazer exercício físico,buscar uma vida mais coerente consigo mesmo, se respeitar.

É importante ressaltar que muitas vezes ao diagnosticar a bipolaridade pode haver
um erro e se tratar de outro distúrbio TDAH (Transtorno de déficit de Atenção e
hiperatividade) pois ambos têm características muito semelhantes como mudança de humor, compulsão, impulsividade, falam demais cortando a fala do outro, mudando o assunto, completando a frase sem esperar que o outro termine de falar; labilidade,
transtorno de sono, agitação, irritação, são muito carismáticos,
inteligentes,exagerados.
È necessário uma boa anamnese,escuta terapêutica para conhecer o histórico de vida desde criança até o momento atual ,quando há suspeita de diagnóstico de TDAH aplicar testes.
È importante ressaltar que a bipolaridade aparece à partir dos 18 a mais ou menos e o TDAH dos 6a. Esses transtornos se diferem pois a oscilação de humor do bipolar o individuo entra em estado de mania ou hipomania e depressão o que não acontece com o TDAH.
Enfim o bipolar é vítima de preconceito e de exclusão sendo que os distúrbios de humor, TDAH, fobias, pânico e outros também são limitantes desde que não sejam tratados.
Bipolares como W.Churchill, Abraham Lincoln, Ulisses Guimarães na política, V. Van Gogh, Mozart, Tchaikosvky, Robin Williams, Jim Carrey, Elizabeth Taylor, T.S.Eliot,
Agahta Christie, Ernest Hemingway,psiquiatras e psicólogos que trabalham normalmente.

A sociedade está doente há de se pensar um novo olhar diante da vida e da forma de lidar com os sentimentos .

 

%d blogueiros gostam disto: