O Bom de Viver.com.br

Início » Posts etiquetados como 'inteligência'

Arquivo da tag: inteligência

Características comportamentais dos emocionalmente inteligentes.

Não viver no passado as comportamentais dos emocionalmente inteligentes.

Segundo Navis Branberry, presidente de uma empresa que se dedica á inteligência emocional, a capacidade de gerir as emoções e manter a calma- quando sob pressão é fundamental para alcançar o sucesso.
Quando de se vive no passado, o mais provável é nunca se conseguir seguir em frente. Deste modo, o fracasso pode ´´minar“ a sua autoconfiança e impedir-lo de ser bem sucedido no futuro. ´´As pessoas emocionalmente inteligentes sabem que o sucesso na sua capacidade de ultrapassar o fracasso, e não podem fazer isso ao viverem no passado “, explica Bradberry. Apesar dos fracassos já cometidos, importante as pessoas acreditarem que nada se consegue sem riscos e esforços, acreditando sempre.

Não se refugiar nos problemas

Para Bradberry, o foco da atenção determina o estado emocional, ou seja, quando uma pessoa se fixa num problema as emoções serão negativas. Esse tipo de sentimentos vai influenciar de forma negativa e estressantes. Esse tipo de sentimentos vai influenciar de forma negativa o desempenho pessoa. Deste modo, ao invés de se ´´afundarem“ nos problemas as pessoas emocionalmente focam- se em procurar soluções para resolverem o problema.
Não se foca na perfeição

Na pesquisa desenvolvida, as pessoas bem sucedidas não procuravam a perfeição, conscientes de que esta não existe. ´´Quando a perfeição e o objetivo, a pessoa sentirá sempre a sensação de fracasso, gasta o seu tempo a lamentar o que deixou de fazer e que rea capa de alcançar“, acrescenta Bradberry.
Não viver cercados de pessoas negativas
As pessoas que estão constantemente a queixar-se dos seus problemas e que são negativas representam um perigo para o sucesso dos que as rodeiam.
Não se preocupam com soluções, apenas pretendem levar alguém consigo ´´para a cova“, de modo a se sentirem melhor. Por estas razões e mais algumas, afaste-as de si. Mesmo que isso o possa fazer sentir-se mal e insensível, ´´ há um a linha que separa emprestar um ouvido simpático e ser sugado para dentro de uma espiral emocional negativa“, defende Bradberry.

Não ter medo de dizer não

´´ Dizer não é realmente um grande desafio para a maioria das pessoas“, admite o especialista. Contudo, quando é necessário dize-lo, as pessoas bem sucedidas fazem-no sem rodeios, e de forma direta.

Como Desenvolver a Inteligência Crítica?

Você já passou pela experiência de ficar mobilizado internamente por uma pergunta que te fizeram? Heidegger, um dos mais influentes pensadores do século XX afirmou que “A pergunta é a devoção do pensar”.interrogaçào

Se queremos nos desenvolver precisamos estar acordados para novos e significativos aprendizados, e estes acontecem quando somos capazes de questionar as próprias experiências com vistas ao futuro. No entanto, requer certa arte fazer as perguntas capazes de construir um fluxo saudável que leva do pensar à melhor ação.

Portanto, fazer perguntas é fundamental e essencial para ajudar a si mesmo e ao outro a trilhar o seu caminho de desenvolvimento, pois tem força direcionadora no diálogo de aprendizado.

Base dos processos de coaching , a arte de perguntar requer metodologia fundamentada em arquétipos para que o caminho seja seguramente trilhado no passo a passo com o cliente.

Através de exercícios com situações reais do participante vamos desenvolver a metodologia do Helping Conversation.
Fonte: biblioteca Virtual Antroposófica
%d blogueiros gostam disto: